Por Bárbara Lanna em 25 de julho de 2012

Ação da Nokia “Perdi meu amor na balada” vai ao Procon e ao Conar

É, parece que o Procon-SP, órgão de defesa do consumidor, e o CONAR (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) não gostaram muito da ação viral, “Perdi meu amor na balada”, realizada pela Nokia.

No dia 10, Daniel Alcantara postou um vídeo no youtube à procura de Fernanda. Uma garota, ”Morena, 1,70m, olhos claros, cabelos lisos. Linda, linda, linda!”, como descreve Daniel. Ele diz que conversaram pouco tempo, mas foi o suficiente para que ele se apaixonasse. O vídeo comoveu a galera e causou um “boom” nas redes sociais, pouco tempo depois, no entanto, a Nokia informou que se tratava de uma ação publicitária para promover o celular Pure View 808, em consequência disso a repercussão passou a ser totalmente negativa pelo consumidores.

Mesmo sem ter recebido notificações, o Procon-SP resolveu abrir investigação pois a publicidade se tornou “pública e notória”. O órgão de defesa alega que “A mensagem de caráter publicitário deve ser realizada de maneira que o consumidor possa identificá-la como tal. É uma questão de ética”

Caso a Nokia venha a ser punida, a multa poderá ser de até R$ 6 milhões.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=aA31u-nCMq0&version=3&hl=en_US&rel=0]

 

Minha opinião? Ah, Procon, da um tempo! A ação foi super criativa, muito bem bolada!
Tá querendo ganhar uma “graninha” né?!
E vocês, jovens plugcitários, o que estão achando de tudo isso?

Deixe um comentário

Publicidade