Por Diego Luís em 11 de setembro de 2013

Falando sobre mídia: cinema

midia cinema

O mercado de cinema no Brasil cresce mais a cada ano fazendo com que esse meio ganhe mais espaço nos planejamentos de mídias das agências pelo Brasil afora. Com o crescimento desse mercado a mídia cinema torna-se uma oportunidade cada vez mais vantajosa de se promover marcas e produtos.

Segundo dados revelados em janeiro pela ANCINE (Agência Nacional do Cinema), o mercado cinematográfico no Brasil quebrou um recorde histórico. A arrecadação das salas de exibição atingiu R$ 1,6 bilhão. O público acumulado também alcançou uma marca histórica, de 146,4 milhões de espectadores. Mais de 130 milhões assistiram a produções estrangeiras, gerando renda de R$ 1,4 bilhão, enquanto 15,5 milhões foram aos cinemas para ver filmes nacionais.

Por si só, esses são dados muito chamativos no momento de defender a mídia cinema como um meio para se atingir determinados públicos e alcançar os objetivos desejados na comunicação de uma marca. Além do crescimento recorde que o cinema atingiu essa mídia também possui outras vantagens. Confira algumas das principais vantagens:

– O cinema detém a atenção das pessoas:

As pessoas vão ao cinema para se divertirem. No cinema as pessoas estão mais receptivas a aceitarem a comunicação de uma marca. O cinema detém a atenção total do publico que frequenta devido a sua predisposição.

– Grande impacto

É uma mídia completa, pois possui cor, imagem, som e movimento. Devido às proporções da tela e do som no cinema a comunicação causa grande impacto audiovisual, facilitando o entendimento da mensagem que é transmitida.

– Segmentação

Apesar de o cinema não ser mais um local frequentado exclusivamente por pessoas da classe A e B, este publico ainda continua sendo predominante nas salas de cinema pelo Brasil.
Apesar das vantagens que o cinema possui, ainda não existe uma mídia que seja perfeita para o anunciante. Como em qualquer outro meio para se divulgar uma ideia, marca ou produto o cinema também possui algumas desvantagens. Confira algumas das principais desvantagens:

– Custos

Em si os custos para a veiculação não são elevados. Porém, os custos de produção podem ser elevados.

– Possui um fraco nível de penetração
– Para ter uma boa audiência, depende dos grandes lançamentos.
– Dificuldade do controle e da fiscalização da exibição dos comerciais.

E para quem acha que algum trailer publicitário antes do filme principal começar é a única ação publicitária que pode ser realizada no cinema, confira algumas ações surpreendentes:


Deixe um comentário

Publicidade