Por Tami Serra em 29 de outubro de 2014

Eleições e Internet: O cenário politico virtual

ELEIÇÃO INTERNET

As eleições de 2014 foram marcadas por algumas mudanças fortes. Esse texto é apartidário e só tem como objetivo destacar o papel de internet como propagadora de ideias.

Um dos meios mais importantes das campanhas políticas deste ano foi a internet. As eleições acontecem de 4 em 4 anos e com a velocidade das mudanças tecnológicas, esses 4 anos de pausa entre os eventos trazem à internet e ao comportamento dos usuários muitas mudanças.

Grande parte da população brasileira agora tem acesso ao computador e inevitavelmente a internet. Consequentemente as pessoas tem mais acesso à informação, seja ela verdadeira ou não, com isso, podemos apostar no poder da internet como divisor de águas para o cenário político no Brasil. A cidadania agora começa a ser exercida de uma forma mais presente, com mais participação de todos, e isso torna possível que os candidatos apostem cada vez mais em campanhas digitais, onde têm mais contato com seus possíveis eleitores, gastando menos.

O lado positivo de tudo isso se tem ao fato do eleitor poder ter acesso as informações de todos os candidatos, assim gerando decisões de votos mais conscientes. Já o partido pode investir menos dinheiro em sua campanha, afinal com o grande numero de eleitores online faz com que as relações se estreitem e gerem apoios espontâneos, e sendo assim, a cena politica pode se tornar independente de grandes custos.

Toda a eleição será movida pelo conteúdo digital dos candidatos e ao relacionamento que o mesmo tem com seus eleitores. Além disso os candidatos podem aproveitar comentários e citações feitas na internet como feedback para uma possível melhoria em debates e aparições publicas, seja em oratória, seja em defesa de seus pontos de vista.

E acredite, apesar de todo o lado bom tanto para o politico quanto para a população, a internet tem seu papel ruim durantes as eleições dito que “não existem regras” além do bom senso. O cenário durante as eleições em qualquer rede social era uma chuva de opiniões a serem engolidas a qualquer custo e por qualquer um, gerando então uma grande guerra para convencer indecisos, nessa guerra virtual havia desde acusação dos adversários com base em fatos verídicos, até noticias falsas de todos os tipos envolvendo não só o politico como pessoas que o apoiam.

E fique claro que apesar de querermos dar nossa opinião sobre todos os assuntos na internet, ninguém, em hipótese alguma, é obrigado a concordar ou partilhar da mesma.

A eleição deste ano tem um caráter experimental na internet e com isso, contamos com vários erros tanto dos candidatos que não estavam preparados para este cenário, quanto de seus eleitores que deixaram de lado as boas maneiras.

O que esperar dos próximos eventos e da participação da internet neles?
É importante ressaltar que independente de saber ou não o que esperar do papel da internet, o fato é que o online também é uma representação do real no novo comportamento dos usuários.

Para entender um pouco mais sobre o comportamento da nova geração da internet, acesse UNIVERSO MOBILE: A CULTURA DA CONEXÃO, tais comportamentos do mundo virtual agora representam não só empresas e indivíduos, mas também no cenário politico real.

Deixe um comentário

Publicidade