Por Camilla Ferreira em 11 de fevereiro de 2016

As mulheres que estão por trás das campanhas publicitárias

Mulheres publicidade

Primeiro de fevereiro foi o Dia do Publicitário. Mesmo que você ainda não tenha se formado, acabou comemorando esta data e, possivelmente, ficou sonhando em ser um grande profissional prestigiado como Washington Olivetto, Marcelo Serpa, Nizan Guanaes, Hugo Rodrigues, Eco Moliterno…. É, a lista é vasta. Mas é inquietante perceber que no “Top Of Mind” do mercado dificilmente alguém se lembre de, pelo menos, uma mulher publicitária. Por mais que elas estejam presentes nas agências e recebam vários prêmios, ainda continuam ofuscadas (principalmente na área da criação, onde estão em menor número).

Recentemente, o Meio e Mensagem realizou uma Pesquisa nas 30 maiores agências do país. A presença feminina é inferior a 20% no departamento criativo, e as que ocupam alguma função de liderança resulta em apenas 6%.

MM 1692 00 Perspectiva Comunicacao.indd

Mas afinal, quem são estas mulheres criativas que ocupam cargos relevantes nas grandes agências brasileiras? Conheça algumas delas:

Joanna Monteiro

Eleita a mulher mais criativa do mundo em 2014, disputando com 36 profissionais. Em 2015, foi vencedora do Prêmio Caboré como profissional de criação, e é a única mulher CCO (Chief Líder Office) nas agências de publicidade do Brasil.

Sophie Schonburg

Vice-presidente e Diretora Executiva de Criação da Pereira & O’Dell Brasil. Começou sua carreira na W/GGK, trabalhando com Washington Olivetto, Nizan e outros nomes da propaganda. Passou por outras agências como a DPZ, Y&R, Salles e AlmapBBDO. Já conquistou vários Leões em Cannes e prêmios como D&AD, One Show, Clio Awards e London Festival.

Andrea Siqueira

Ex-Diretora de Criação da Africa Zero (sua saída foi anunciada no CCSP no dia 01/02). A baiana já foi redatora na DM9 e JWT (onde também foi diretora de criação). Tem como prêmios Leões em Cannes, D&AD, GP do prêmio Abril, Clube de Criação de SP, London Festival, NY Festival, Fiap etc.

Daniela Ribeiro

Diretora de Criação na Publicis. Já trabalhou como Diretora de Criação na Fischer Portugal, e redatora na Y&R, Santa Clara e Propaganda Registrada. Entre seus prêmios conquistados inclui-se GP em festivais como Cannes Lions, One Show, London Festival, El Ojo de Iberoamerica, Wave Festival, Effie Awards, Prêmio Abril e Colunistas. Seus trabalhos também foram publicados na Archive e CCSP.

Laura Esteves

Diretora de Criação na Y&R. Com 15 anos de carreira, a mineira já trabalhou nas agências Lowe, DM9DDB, DDB Nova York e Neogama/BBH. Tem prêmios como Cannes Lions e Prêmio Abril.

Mariana Borga

Diretora de Criação na JWT. No ano de 2015 foi uma das 12 escolhidas, entre 200 candidatas, para participar da iniciativa Be It See It, promovida pelo Festival de Publicidade de Cannes, no qual tem o objetivo de promover e encorajar o talento criativo de mulheres do mercado publicitário. Já trabalhou em agências como a Ogilvy, Talent, Santa Clara, Y&R e F/Nazca. Tem Leões de Cannes e troféus no D&AD, One Show e CCSP.

Mariangela Silvani

Diretora Executiva de Criação na Grey Brasil. Em sua carreira como redatora e diretora, passou pelas agências Y&R, PA Publicidade, Duda Propaganda, Leo Burnett, Taterka, Fischer e Lowe. Já conquistou 2 Leões em Cannes, El Ojo, FIAP e mais, incluindo teatro e literatura.

Agora você tem motivos suficientes para se lembrar delas quando o assunto for referência na publicidade.

Deixe um comentário

Publicidade