Por Ighor Ferreira em 25 de abril de 2017

Dove burla sistema do Shutterstock e abre espaço para mulheres da vida real

A representação feminina na publicidade foi o foco da nova campanha da Dove que, ao descobrir uma brecha no sistema do Shutterstock, um dos maiores bancos de imagem do mundo, viu que era possível fazer upload de imagens em determinadas categorias.

O que a marca fez com isso?

A Dove fechou uma parceria com diversos fotógrafos renomados de publicidade, que passaram a produzir imagens representando mulheres da vida real, cheias de diversidade, tipos físicos, idades, tamanhos e características únicas, e usou essas fotos para substituir as do Shutterstock que eram carregadas de estereótipos e de modelos definidos pela sociedade, os quais estamos acostumados em ver, por exemplo, nas campanhas de cerveja e relacionadas à moda (embora isso esteja mudando). O resultado dessa parceria deu origem à Image_Hack:

Image_Hack Case Study from Awesome pomegranate on Vimeo.

O vídeo está em inglês, mas é possível ter uma boa ideia de como a campanha surgiu e qual a repercussão que ela teve. O filme mostra que a Dove convidou agências de publicidade a se juntarem à campanha através de anúncios posicionados estrategicamente próximos de grandes agências da Dinamarca.

(Imagem: Reprodução/Dove)

(Imagem: Reprodução/Dove) 

Depois da veiculação dos anúncios, 42 marcas passaram a usar as imagens produzidas pela Dove em suas próprias publicidades, dando força à campanha e contabilizando mais de 1700 imagens baixadas.

A campanha foi uma ação da agência Mindshare. Incrível, né?

Deixe um comentário

Publicidade