Por Felipe Ferreira em 29 de junho de 2017

Projeto recria imagens do WhatsApp

A noite pode ter sido ruim e você ter acordado atrasado. Pode estar chovendo ou fazendo um frio do caramba, mas se depender das mensagens de “bom dia” do WhatsApp as suas manhãs serão sempre animadas.

(Imagem: Reprodução/WhatsApp)

(Imagem: Reprodução/WhatsApp)

(Imagem: Reprodução/WhatsApp)

(Imagem: Reprodução/WhatsApp)

(Imagem: Reprodução/WhatsApp)

(Imagem: Reprodução/WhatsApp) 

Elas tiveram origem lá nos tempos remotos da internet, época em que as correntes de e-mail eram as rainhas do engajamento na rede. Os anos se passaram e o e-mail perdeu espaço para as redes sociais. Em compensação, as mensagens de “bom dia” evoluíram e se multiplicaram para “boa tarde”, “boa noite”, “bom fim de semana”, “bom feriadão” e por aí vai. São imagens, vídeos, GIFs e áudios feitos sob medida para tornar nossos momentos mais agradáveis, ou não, e nossos cartões de memória cada vez mais esgotados.

Devido a facilidade de criação, tais mensagens geralmente não trazem consigo um design muito harmonioso e, pensando nisso, o projeto colaborativo Typezap propõe “resolver um grande problema: as imagens horríveis de bom dia enviadas em grupos de família.

Bem, dizer que são montagens toscas é um pouco controverso, já que envolve o gosto e a aceitação de quem cria e compartilha. Porém, são evidentes as mudanças provocadas pelo redesign proposto. Veja abaixo algumas delas:

(Imagem: Reprodução/Typezap)

(Imagem: Reprodução/Typezap)

(Imagem: Reprodução/Typezap)

(Imagem: Reprodução/Typezap)

(Imagem: Reprodução/Typezap)

(Imagem: Reprodução/Typezap)

(Imagem: Reprodução/Typezap)

(Imagem: Reprodução/Typezap)

A iniciativa é de Santiago Spartakus, aluno da Miami Ad School Rio. Para enviar a sua colaboração, basta escolher uma imagem, fazer o redesing e enviar para o e-mail spartakus.santiago@gmail.com com com o assunto “TYPEZAP“. 

Deixe um comentário

Publicidade