Digite para buscar

Publicidade x paixão a primeira vista

Bruna Oliboni 19 de Maio de 2014
Share

Love-Advertising

É impressionante a capacidade que um publicitário tem de se apaixonar. É semelhante a intuição de mãe que vem lá do fundo do peito e nos faz suspirar, mas isso não acontece sem motivos, muita vezes esse publicitário precisa ser moldado, instruído, ensinado. É por esse e vários outros motivos que a publicidade e propaganda vem se tornando o foco de muitos estudantes que pretendem ingressar no ensino superior. Nesse momento milhares de publicitários estão entoando o canto: VAI, VAI E SE APAIXONA. Segue abaixo os primeiros indícios de que você realmente está apaixonando pela publicidade:

Agora não tem volta. O primeiro dia na faculdade: Chegou o grande dia! Sua vida de universitário começou! Seu primeiro pensamento ao colocar os pés na sala de aula é: Não tem volta. O primeiro professor aparece e você descobre que ele é um cara que possui uma agência de publicidade, faz 10 anos que é professor, sabe tudo sobre arte, música, tecnologia, publicidade, fotografia e acima de tudo é formado em piadinhas fora de hora, mas bem vindas. Resumindo: VOCÊ QUER SER COMO AQUELE CARA.

O primeiro Briefing: Esse mesmo professor manda você criar um briefing e você mentalmente e confuso se pergunta: QUE DIABOS É ISSO? pois bem, com o tempo você descobre que como em todas as profissões a publicidade não poderia ficar de fora e possui sua própria linguagem, então se acostume a ouvir palavras como Sr. Target, verba, briefing, prospecção, entre outros. No final você vai perceber que é mais fácil que colocar doce na boca de criança.

A interpretação de um anúncio: Sabe aquele outdoor que você vê todo dia quando vai comprar o pão no mercado e nunca deu a minima atenção? Pois é meu caro, agora você vai passar a percebe-lo com outros olhos, vai achar até os mínimos detalhes e compreender porque aquele detalhe está ali e não em outro lugar, vai tentar encontrar seus erros e seus pontos positivos. A partir de agora tudo que você ver será com um olhar publicitário, pronto para criticar ou para elogiar. É inevitável.

A TV e o youtube: “Malditos anúncios do youtube” era isso que você pensava toda vez que ia ouvir sua música favorita e aquela bendita propaganda de 5 minutos aparecia na sua tela e rapidamente você pulava aquela chatisse, agora você simplesmente assiste e as vezes repete o anúncio, você o vê com o coração, com todo o amor que o publicitário tem no fundo do seu peito. (Já falei que publicitário pode ser exagerado? Então.) O mesmo acontece com os anúncios de TV, você só queria ver TV, mas os comerciais sempre apareciam pra atrapalhar aquele momento tenso da novela. Sinto lhe informar, mas tudo mudou: Agora você assiste TV pelos comerciais, agora você fica tentando descobrir se o anúncio é de 30 segundos ou 60. Se torna divertido. Se torna encanto.

“Filho, senta aqui e me explica o que é essa tal de publicidade e propaganda”: Com certeza você publicitário vai ouvir essa frase mais de 500 vezes em toda sua vida, e não vai ser só da sua mãe, acredite.

Por mais que isso acontece 500, 600 vezes na sua vida toda, você sentirá um orgulho que vem lá do fundo do peito ao explicar. Não adianta negar, somos todos apaixonados, foi paixão a primeira vista, foi a escolha certa.

Tags:
Bruna Oliboni

Estudante de Publicidade e Propaganda na instituição de ensino FADEP de Pato Branco- PR, porém mora em uma cidadezinha no oeste Catarinense mais conhecida como São Lourenço do Oeste, tem 18 anos, pisciana, apaixonada por palavras e as diversas mágicas que ela pode fazer, possuidora de vários vícios como os livros e as histórias que escreve. De uma teimosia absurda e de uma persistência sempre muito bem vinda.

  • 1

You Might also Like