Digite para buscar

AirType Bluetooth: Será que isso pega?

Mariana Quinafelix 21 de julho de 2014
Share

AirType_kicsi_600x338

Desde que os aparelhos móveis apareceram e seu teclado diminuiu, digitar rápido e corretamente ficou cada vez mais complicado.

Por mais que existam aplicativos ou até mesmo teclados que podem ser adicionados aos dispositivos para tornar a digitação mais prática, simplesmente não há nada como utilizar um teclado tradicional.

Pensando nisso, pesquisadores resolveram criar o conceito do AirType – um teclado que incrivelmente não existe fisicamente. No primeiro processo de desenvolvimento (e lógico com o auxilio de investidores), o teclado é composto por dois dispositivos que servem como pulseiras para as palmas das mãos, capazes de identificar quais são as teclas que você quer digitar com base no posicionamento dos seus dedos.

O mais impressionante é que não existe quaisquer projeção visual e/ou virtual da imagem do teclado, a sensação é de realmente escrever/digitar no invisível. Por enquanto o objetivo é ser um item destinado aos tablets, um acessório que pode ser transportado facilmente para qualquer lugar, e se adaptar a qualquer superfície.
Os sensores são capazes de entender as teclas que você quer digitar, além de gravar a posição padrão de seus movimentos, se adaptando individualmente para cada usuário.

Segundo informações do próprio site, os acessórios quando comercializados, supostamente virão também com um complemento que é capaz de prever as próximas palavras do seu texto, e corrigi-las automaticamente. Ainda não há qualquer previsão para lançamento e nem estimativa e preço.

Tags:
Mariana Quinafelix

20 anos, paulista, estudante de publicidade, amante de fotografia com sede de novidades. Prestes a dar o primeiro passo para o futuro.

  • 1