Digite para buscar

Redes anti sociais: nem tudo são flores na internet

Luciana Moreira 20 de julho de 2015
Share

Nas últimas décadas, com a invenção das redes sociais, as relações humanas sofreram uma verdadeira revolução. Não há mais distancias, não há mais isolamento (embora sejam críticadas por alguns devido à grande exposição à qual as pessoas frequentemente se sujeitam). As redes de amigos estão cada vez maiores e as pessoas se comunicam a todo momento através de postagens, atualizações e check-ins.

Mas, e os muitos tímidos, como fazem? E quando você acorda com a “pá virada” e quer um pouco de solidão? Como evitar encontros indesejados?

Não tem problema, basta criar um perfil numa rede anti social. Elas possuem basicamente a mesma tecnologia de comunicação que as outras redes mas o resultado é bem diferente. Acordou de mau humor? Através do check-in dos seus “amigos” você pode, por exemplo, criar uma rota alternativa para que você realize suas atividades e evite encontros indesejados. Está chateado e não tem com quem falar? Na rede anti social você pode reclamar à vontade e ainda dividir sua insatisfação com outras pessoas igualmente insatisfeitas.

Confira outras redes anti sociais e suas utilidades:

Hatebook

Como o próprio nome sugere, é bem parecido com o Facebook, mas nele você pode reunir todas as pessoas que você detesta e criar grupos para falar mal dos seus inimigos.

Hatebook

Twatter

O funcionamento é como o Twitter mas os usuários usam para serem mal educados, falarem mal dos inimigos e reclamarem da vida.

Twatter

Ruduzu

É um verdadeiro muro das lamentações: aqui você pode reclamar de tudo o que te incomoda e encontrar outros reclamões.

Reduzu

Seppukko

Para quem está cansado das redes sociais, o site garante uma saída triunfal: apaga seu perfil no Facebook, deixa uma mensagem de “adeus” e ainda cria uma página em sua memória.

Seppukoo

Avoidr

Está brigado com alguém? Aceitou aquela pessoa como amigo só por educação e agora vai fazer de tudo para não encontrá-la? Com o Avoidr você pode localizar todos os seus inimigos e saber exatamente onde não ir, também pode expor suas insatisfações em dias de grande estresse.

Avoidr

O grande objetivo dessas redes é satirizar as relações na internet e alertar quanto aos exageros cometidos nas redes sociais.

Tags:
Luciana Moreira

Sou paulistana, tenho 32 anos, sou casada e tenho dois filhos, sou formada em Publicidade e Propaganda e uma apaixonada pela profissão. Desde criança assistia TV mais para ver os comerciais que para assistir os programas. Quando descobri que isso era uma profissão determinei que era o que ia fazer da vida. Gosto de cinema, HQs, séries e videogames, boa leitura, boa comida, boa música e boa conversa.

  • 1