Digite para buscar

Pain Gaming vencedora do CBLOL 2015

Felipe Barcellos 13 de agosto de 2015
Share

final_paincampea

No último sábado (08/08) aconteceu a grande final do Circuito Brasileiro de League of Legends 2015, evento que aconteceu no Allianz Parque, estádio de futebol do Palmeiras, e reuniu cerca de 12 mil pessoas, segundo a produtora Riot Games.

Além do evento presencial, os fãs também puderam acompanhar transmissões ao vivo pela internet, salas de cinema e bar legends, somando em torno de 280 mil pessoas assistindo a essa decisão. A final terminou com a vitória da Pain Gaming por 3×0 sobre a INTZ, além de faturar a taça e o prêmio de R$ 60 mil reais, a equipe se classificou para o International Wildcard, onde poderão disputar uma vaga para o Torneio Mundial, na Europa.

LOL2

Confira a cerimônia de abertura do evento, que contou com algumas atrações musicais (mais animada que a da Copa do Mundo da FIFA):

O que vale chamar a atenção é que esse é um mercado novo, que está crescendo muito no Brasil, é o cenário dos esportes eletrônicos, o e-sport. Principalmente do ponto de vista publicitário, essa ainda é uma área nova e que pode ser muito explorada. Aos poucos eles vem conquistando seu espaço, incluindo nas redes sociais de canais que mostravam apenas esportes “tradicionais”, como Esporte Interativo, e tal reconhecimento foi uma grande conquistas para os fãs. Acho que ninguém nunca imaginou que um dia iria num estádio de futebol assistir uma partida de “video-game”, não é mesmo?

Um dos principais problemas é que as pessoas ainda tem muito preconceito com a profissionalização dessa área, é fácil ouvir coisas como: “mas eles ganham dinheiro só pra jogar video-game?”. Se parar pra pensar um pouco e ver a quantidade de dinheiro que algumas pessoas ganham só pra chutar uma bola de couro no gol, parece meio irrelevante essa pergunta. Assim como no futebol, o e-sport reúne times, técnicos, rotinas de treinos, patrocínios, comentaristas, narradores, enfim, praticamente a mesma essência. Eu poderia continuar escrevendo mais somente sobre e-sports mas fica para um próximo post, talvez!

Esperamos que aconteçam mais eventos desse porte, não somente de League of Legends, mas de e-sports em geral, já que o público é muito fiel e a estrutura tende a crescer cada vez mais.

Tags:
Felipe Barcellos

Comecei na Engenharia e terminei na Publicidade! Quando não estou fotografando estou escrevendo, quando não estou escrevendo estou fotografando. Não curto samba, praia e muito menos futebol alegre, longe de um típico brazuca.

  • 1