Digite para buscar

O Design muito além de ferramenta, uma disciplina de comunicação

Rodrigo Cerqueira 2 de Fevereiro de 2016
Share

01

Há uma cultura que diz que o Designer é um profissional que desenvolve soluções criativas para problemas de ordem visual. Ela está correta, entretanto, se pararmos para estudar um pouco, até mesmo a história da profissão, percebemos que o Design, em especial o Design Gráfico, atua muito além de criar soluções visuais (de produtos a flyers), mas também em comunicação.

O simples fato de um produto estar transmitindo a ideia e a sensação de que é o mais adequado à necessidade do cliente é um processo de comunicação. O ato de transmitir uma ideia ou conceito é a missão do Designer em um projeto visual. O receptor (público para quem o material se destina) precisa entender de maneira objetiva e clara o que seu emissor (o cliente, não o designer) quer “falar”.

A mensagem, com seus códigos, precisa ser transmitida sem ruídos, caso contrário, não será transmitida de forma objetiva. É importante atentar para o fato que, na maioria das vezes, o receptor não será o cliente do Designer. Por isso, a constante insatisfação do Designer, ao ter um projeto não aprovado pelo cliente que, em algumas situações, entende que a mensagem deve ser transmitida para ele, quando, na verdade, ele é apenas o emissor. Partindo do início das colonizações dos atuais grandes centros urbanos, observamos que o Design Gráfico se fortaleceu também devido ao êxodo rural, quando as pessoas precisavam localizar-se e entender-se em seu novo meio ambiente (a cidade). Destaque também para a ação do Design Vernacular, já presente, e que nesta época tornou-se uma prática comum. Ao falar sobre Design vernacular, são obras que estabelecem uma ligação direta entre o homem e sua cultura local ou regional, projetos estes que podem ser modificados mediante ações sociais ou religiosas por exemplo. Em outras palavras, Design Vernacular são obras movidas pela cultura, em especial, local onde estas artes, esculturas, fotografias, letreiros, sinalizações, iconografias enfim, são uma imensidão de projetos desenvolvidos e movidos pela paixão do homem pela sua terra.

As obras são projetadas à moda antiga, isso é, muitas delas com moldes e um trabalho totalmente manual. Por se tratar de projetos, muitos deles informais fortemente ligados aos costumes locais, fora do padrão do Design moderno, o Design Vernacular é visto por muitos como não profissional e subalterno, um preconceito que devemos quebrar e evitar que seja repassado às futuras gerações, uma vez que se tratam de obras e profissionais agentes participativos da cultura e fortemente envolvidos com a brasilidade. O estudo de tipografia, cor, metodologia e tudo que envolva o projeto precisa ser pensado de forma integrada e com uma finalidade clara, para que a comunicação seja eficiente. Ao longo dos anos, a manifestação gráfica consolidou-se e evoluiu. O que antes era apenas uma placa em um estabelecimento comercial, hoje amplia sua atuação para sinalização e fundamental importância para a comunicação do local com o seu público. Entender que o Design Gráfico é uma profissão essencial para negócios, em especial no que tange à sua comunicação visual, é entender que a atuação do Designer como comunicador é imprescindível, inclusive para o futuro da profissão.

A comunicação com profissionalismo precisa constar em projetos gráficos, sendo até uma obrigação do profissional de criação demonstrar todo o estudo feito por trás de um projeto. Até para diminuir a insatisfação dos profissionais com os chamados “micreiros”, que confundem o Designer Gráfico apenas com um operador de ferramentas bi ou tridimensional, vetorial ou bitmap. Ser Designer, então, vai além de atuar como “Designer”. Este profissional passa a ser responsável não apenas pelo desenvolvimento visual das chamadas peças, mas também pela forma correta de transmitir a mensagem, utilizando seus recursos, aptidões e até sua bagagem cultural.

Tags:
Rodrigo Cerqueira

Designer, freelancer, criativo, bem-humorado, divertido, colunista e habituado ao trabalho em equipe.

  • 1

You Might also Like