Digite para buscar

Como os contos ajudam na hora de criar propaganda.

Tiago Bezerra 22 de setembro de 2017
Share

Para começar, a primeira coisa que você precisa saber é: o que é um conto?

Resumidamente, conto é uma narrativa breve de ficção com poucos personagens, unidade dramática e precisão de palavras. Também achou parecido com propaganda ou foi só eu?

Se você encarar a propaganda como um micro recorte de uma história maior, você vai começar a ver que os contos são ótimas referências. Principalmente para definir bem as personagens com poucas palavras e focar na ação dramática, que é o mais importante. Às vezes, poucas palavras resumem tudo que precisamos saber.

Em um filme sobre a vida de Ernest “Papa” Hemingway, tem uma cena incrível que mostra isso. Hemingway pede para o jornalista dizer um número, o escolhido é 6. Papa pensa um pouco antes de escrever num pedaço de papel a seguinte frase: “VENDO SAPATOS DE BEBÊ NUNCA USADOS”. Pronto, uma história completa com apenas 6 palavras.

Pausa para recuperar o fôlego.

Muitos contos trazem outros ótimos exemplos. Vale muito a pena ver como Gabriel García Márquez resume uma sequência de sensações com poucas palavras ou descrevendo apenas um gesto. O que ajuda muito na hora de contar uma grande história em 60” ou 30”.

Acho isso importante, porque acredito que propaganda deve contar a história da marca de um jeito envolvente para conseguir fãs antes de consumidores. Para isso, nada melhor do que seguir os conselhos dos grandes mestres em contar histórias.

Tags:
Tiago Bezerra

Redator Publicitário e Roteirista apaixonado por tecnologia, música, cinema e tudo que faz o mundo ser mais agradável.

  • 1

You Might also Like