Digite para buscar

Fake News e o Deus nos acuda

Agência Três1 Comunicação 26 de Fevereiro de 2018
Share

Não é de hoje que a disseminação e notícias falsas são usadas como arma política. Mas, desde as eleições dos Estados Unidos, que elegeram Donald Trump, o tema ganhou outro nível. Para se ter uma ideia, um levantamento feito pelo Buzzfeed News identificou que as notícias falsas, no período, tinham mais alcance que as reais. Elas geraram 8,711 milhões de compartilhamentos, reações e comentários no Facebook. As agências, que trabalham com políticos, precisam estar preparadas para esse bombardeio de informações.

Neste ano, o Brasil passa por uma acirrada corrida presidencial. O desfecho acirrado entre Dilma e Aécio e a polarização política que o Brasil viveu pós eleições de 2014 fez com que o país enfrentasse um cenário político invejável, até pelos melhores roteiristas de cinema. Com cicatrizes que prometem incomodar bastante os candidatos de 2018, todos buscam se posicionar nesta guerra.

Nesse sentido, os publicitários também precisam ter atenção redobrada com as campanhas eleitorais. Uma boa estratégia de construção de imagem e apresentação de propostas sem estar aliada a uma boa estratégia de defesa é como tapar o sol com uma peneira.