Digite para buscar

Conheça a Vero, a rede social sem anúncios e “timeline” cronológica

Fernando Procópio 1 de Março de 2018
Share

Em meio a tantas redes sociais que vendem sua usabilidade destacando a inteligência do seu algoritmo e a forma como são distribuídas suas informações, surge uma desbravadora que percorre o caminho inverso: estamos falando da Vero.

Já faz um tempo que o Facebook bombardeia os usuários com mudanças que vão além da estética e influenciam diretamente o conteúdo visualizado, sendo inclusive alvo de críticas e para alguns, o possível motivo da migração das pessoas para outras plataformas. O famoso algoritmo da rede social do Mark Zuckerberg já foi mexido muitas vezes. Em todas, a desculpa de aperfeiçoar o fluxo de informações. O mesmo já aconteceu com o Instagram também, que agora não apresenta mais as imagens de forma cronológica, e sim destacando o que a rede social julga interessante para o usuário.

A proposta em si dessas redes sociais parece positiva, mas na prática é bem diferente. Se chocam diretamente com os interesses em vender espaços nas plataformas. Afinal, alguém precisa lucrar com isso.  

Fazendo seu dever de casa, a proposta da Vero é justamente ser simples, assim como o significado do seu nome, que significa “verdade”. A rede social parece juntar o Facebook e Instagram ao mesmo tempo, integrando as informações em ordem cronológica em uma timeline que segue o modelo de algumas que já existem no mercado. Você também pode compartilhar links, fotos, localização e outras informações. Além de classificar o nível de intimidade das suas conexões com as pessoas em “amigos próximos”, “amigos” e “conhecidos”. O que funciona perfeitamente na hora de compartilhar informações mais pessoais. Existe um detalhe a se falar: a Vero não possui anúncios pagos.

Como os envolvidos lucram?

(Imagem: Reprodução/Internet)

Foi criado um sistema onde o acesso total do aplicativo é grátis para o primeiro milhão de cadastrados. Isso significa que, depois de batido esse número, os novos usuários precisarão pagar uma assinatura, o que gerará receita para a empresa.  

Não temos como prever o futuro, mas é melhor se adiantar e correr para baixar o aplicativo e aproveitar que essa meta que, até o fechamento desse texto, não foi batida. A rede social está disponível para Android e IOS. É preciso um pouco de calma na hora da inscrição, já que os servidores da Vero estão apresentando instabilidade com o grande número de novos usuários que estão se conectando nessas últimas semanas. Surge também um questionamento: como as marcas se comunicarão através dessa nova ferramenta? E aí, já pensou nisso?

(Imagem: Reprodução/Internet)

Fernando Procópio

Nordestino apaixonado por comunicação, música e mais perto que nunca de terminar a graduação. Amo compartilhar ideias em forma de texto e/ou imagens, sejam elas pessoais ou profissionais. Já me aventurei em direção de arte, marketing e social media. Escolhi a primeira opção.

  • 1